Termina uma semana turbulenta. Mas ainda há muito por fazer


Meus queridos amigos,

Chegamos ao final de uma semana turbulenta em decorrência das chuvas com alguns avanços no atendimento aos desabrigados e desalojados, como o anúncio da ajuda federal com reforço de alimentos, medicamentos, recursos financeiros e de pessoal para amenizar a situação dos atingidos pelas inundações.

Mas a situação ainda é bastante delicada. Principalmente no município de Caracaraí, situado a 136 quilômetros de Boa Vista. Lá, como já amplamente divulgado aqui no blog e nos demais meios de comunicação, as pessoas sofrem com os efeitos da pior enchente já registrada em Roraima nos últimos 35 anos.
Balsas já começam a fazer o transbordo de, pessoas e combustíveis em Caracaraí - Foto Jader Souza
Os dados da Defesa Civil nos informam que seis mil pessoas já foram atingidas diretamente pela cheia do rio Branco somente na sede do município. O número de desabrigados e desalojados não para de crescer, pois o nível do rio na região sobe a cada dia.

O prefeito Odilon Filho, que conversou com esse jornalista-blogueiro no meio da semana falou da situação desesperadora em Caracaraí, onde 60% da sede do município já foram atingidos pela enchente.
Os moradores das vilas como Serra Dourada, Cojubim, Água Boa, e moradores das proximidades das estradas vicinais 75, 55, 1, 31, 23 e 29 que estão isoladas estão em situação bastante preocupante.

A medição feita ontem constatou que o nível chegou a 11,12 metros em Caracaraí. Já são 404 pessoas abrigadas nos 10 locais que estão sendo utilizados como abrigos, aproximadamente duas mil pessoas desalojadas.

Famílias desabrigadas

Outras 277 pessoas foram deslocadas de Caracaraí e estão em cinco abrigos montados no município de Iracema, até a noite da última quinta-feira (9). Algumas famílias se deslocaram para casas de familiares em Mucajaí e Boa Vista.

Eis a situação das famílias desabrigadas em Caracaraí - Foto de Jader Souza
 Então, diante desse quadro, muita coisa ainda precisa ser feita. Muitas são as campanhas de arrecadação de donativos realizadas por entes públicos, igrejas e pessoas da sociedade que estão se mobilizando para diminuir as dificuldades porque passam as pessoas atingidas pela cheia.

É um momento de união de todos nesse momento de dificuldade. Vou continuar acompanhando a situação para que possa trazer mais relatos aqui no blog.

Veja mais fotos dos desabrigados aqui.

Um bom sábado a todos.

Tecnologia do Blogger.