Procurador-geral do Ministério Público de Roraima é contra PEC dos procuradores

O procurador-geral do Ministério Público do Estado, Fábio Stica, disse agora há pouco em entrevista a esse blogueiro ser contra o projeto de emenda a Constituição (PEC), que trata sobre a carreira dos procuradores do Estado.

Stica disse que da forma como está, o texto da PEC abre brecha para o tráfico de influência, além de atentar contra a própria carreira dos procuradores, que ele entende, deve ser de dedicação exclusiva.

"Se trata de uma carreira importante, a de procurador. E é uma carreira de estado e deve, portanto, ser de bem remunerada, o que pressupõe e obriga que seja de dedicação exclusiva", frisou o procuradores-geral do MPE.

Fábio Stica também disse considerar estranho que haja um parecer da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Seccional Roraima, amparando o exercício da advocacia em paralelo a carreira de procurador do Estado. Salientou que existe outro parecer da associação dos advogados que contesta o parecer da OAB.

O procurador não adiantou se o Ministério Público vai contestar ou náo o projeto de emenda constitucional ou a lei, quando aprovada.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.

Tecnologia do Blogger.