Confusão provocada por guerra de liminares instala pandemônio na Câmara

A sessão de ontem foi recheada de confusão e o clima hoje continua igualmente confuso na Câmara
A Câmara Municipal de Boa Vista está um verdadeiro pandemônio no momento em que escrevo este post. A situação é tão confusa, mas tão confusa, que até mesmo o post anterior que escrevi ontem, afirmando que o vereador Alfonso Rodrigues (PR) permanece no argo está impreciso e com alguns erros de informação, pois ontem ninguém se entendia após a sessão que, na verdade, extinguiu sim, o mandato de Alfonso.

Um breve retorno ao passado...

Após a sessão presidida ontem pelo vereador Sebastião Correia Lira Neto (Pelé), chegou uma liminar expedida pela juíza Elaine Bianchi devolvendo a presidência da Câmara ao vereador Braz Assis Behnck (PPS). Foi aí que começou a confusão. O próprio vereador Pelé se confundiu e disse a imprensa que todos os seus atos feitos durante a sessão extraordinária de ontem tinham sido tornados sem efeito, inclusive a extinção do mandato de Alfonso. Não era verdade.

O ato de extinção do mandato de Alfonso Rodrigues está valendo sim. Inclusive porque Pelé informou aos órgão de fiscalização como o Ministério Público a extinção do mandato de Alfonso Rodrigues. A liminar da juíza Elaine Bianchi apenas devolveu a presidência da Câmara a Braz Behnck. Pelé está exercendo a presidência como interino em decorrência do afastamento de Braz Behnck por problemas de saúde. Independente desse fato, que já é confuso por si só, o imbróglio está truando na Câmara.

Vamos para o segundo ato.

Cheguei agora pela manhã na Câmara e a situação é das mais confusas. A filha de Alfonso Rodrigues e esposa do deputado Mecias de Jesus (PR), Darbilene do Vale, está na sala da presidência tentando convencer o vereador Pelé a desfazer tudo o que foi feito ontem: a extinção do mandato do vereador Alfonso, que não por coincidência é seu pai. Conforme consegui apurar, Darbilene do Vale alegou que seus advogados não teriam tomado conhecimento da extinção do mandato do vereador Alfonso. Queria ganhar no grito.

Nesse exato momento, os vereadores estão reunidos com assessores jurídicos na sala da presidência da Casa para estudar a sentença expedida pela juíza Elaine Bianchi e decidir o que vai ser feito.  Agora mesmo chegou-me a informação de que foi decidida a realização de uma sessão extraordinária para logo mais as 11 horas.Nessa sessão vai se decidir se a liminar da juíza Elaine Bianchi tem poderes para anular todos os atos do vereador Pelé.

Vamos continuar acompanhando tudo bem de perto.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.

Tecnologia do Blogger.