Senado comemora os 23 anos de Amapá, Roraima e Tocantins

O Senado Federal realiza na tarde desta quarta-feira, 05, sessão especial pelo aniversário de 23 anos de criação dos estados de Amapá, Roraima e Tocantins. Os dois primeiros eram territórios federais, elevados à condição de estado com a promulgação da Constituição Federal, em 05 de outubro de 1988, data em que Tocantins foi desmembrado do Estado de Goiás.

A sessão especial está sendo realizada por requerimento dos senadores Ângela Portela (PT-RR) e Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), assinado também por vários outros parlamentares da Região Norte.

Ao justificar o requerimento, Ângela Portela afirmou que a elevação à condição de estado federado marca um importante momento na história de Roraima. "Nestes 23 anos nosso Estado passou por importantes transformações, como a constituição dos poderes Legislativo e Judiciário, a institucionalização do Executivo, a realização de eleições diretas a partir de 1990 e a construção da infraestrutura inicial para o seu desenvolvimento econômico e social".

A parlamentar lembrou ainda que nesse período a população de Roraima mais do que dobrou, estando hoje perto de meio milhão de habitantes. "Estas transformações impõe às lideranças locais novas responsabilidades para enfrentar desafios que surgem todos os dias, como a ampliação da infraestrutura, geração e transmissão de energia e a discussão com toda a sociedade de um novo modelo de desenvolvimento econômico, com sustentabilidade e respeito à diversidade do nosso povo".

A senadora roraimense não pôde comparecer à abertura da sessão, às 14h00, por estar representando o Senado Federal em viagem ao Chile. A ausência foi justificada pelo senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR). Ângela, que participou em Santiago nos dias 3 e 4 de um seminário sobre "O Trabalho do Parlamento e os Desafios Sociais na América Latina", promovido pelo Instituto de Assuntos Políticos da Universidade do Chile, chega à Brasília ainda hoje (5) e fará pronunciamento pelo aniversário do Estado de Roraima.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.

Tecnologia do Blogger.