Os taxistas de lotação e a polêmica da semana


A polêmica da semana diz respeito ao fato de motoristas de táxi lotação se recusarem a transportar pessoas portadoras de dificuldade de locomoção, que andam em cadeiras de roda.

O assunto veio à tona depois que jovem Jaíne Vital, denunciou no Facebook a discriminação sofrida por seu irmão, portador de deficiência física, que foi recusado como passageiro por várias vezes.

Jaíne denunciou o descaso dos taxistas de lotação para com seu irmão no Facebook

Logo, o assunto virou tema de debate na Câmara Municipal, com o vereador Rosival Freitas (PSC) levantando a questão e cobrando providências das autoridades competentes.

A diretora-presidente da Empresa Municipal de Habitação e Urbanismo (Emhur), Maria Helena Veronese, deu declarações a imprensa afirmando que vai tomar as providências.

O presidente da Cooperativa dos Taxistas de Lotação disse hoje num programa de rádio que os vereadores aprovaram a lei que beneficia os deficientes físicos, mas não atentaram para as dificuldades que os motoristas enfrentam para transportar essas pessoas.

Pelo que vejo, até aqui um fica jogando a culpa no outro que joga no outro e ninguém assume a responsabilidade de fato.

Mas quando o assunto é táxi lotação, tem algumas questões mais profundas que precisam ser ditas e levadas em consideração:
1) Os taxistas sempre estiveram a serviço dos sucessivos gestores municipais e dos vereadores, fazendo seus serviços nem sempre limpos, principalmente em período de eleição, quando servem para transportar dinheiro de boca de urna e eleitores, a mando de candidatos endinheirados ou que estão no poder e lá querem se manter;
2) Alguns vereadores são detentores de alvarás de táxi lotação e não têm o menor interesse de mexer nesse vespeiro;
3) Esses vereadores que mantém os alvarás podem até estar agindo legalmente [e eu tenho aqui as minhas dúvidas], mas moralmente não estão;
4) Esses parlamentares são alguns daqueles que fazem parte do bloco de sustentação do prefeito Iradilson Sampaio;
5) Por ser uma categoria numerosa e que influencia a opinião pública, os taxistas de lotação passaram a ser valorizados e assediados pelos políticos, que pisam em ovos sempre que tem de mexer nos interesses dessa categoria;
Sendo assim, é provável que nada ou muito pouca coisa seja feita para resolver essa situação, pois as autoridades a quem compete tomar as decisões para corrigir essa anomalia estão comprometidas até o último fio de cabelo com os taxistas de lotação. 

Sem querer ser pessimista e já sendo, não tenho grandes expectativas quanto à tomada de uma providência no curto prazo para o problema levantado por Jaíne Vital. É de se lamentar, mas é a mais pura e crua verdade.



Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.

Tecnologia do Blogger.