Servidores da área tecnológica cobram cumprimento de acordo por parte do governo

Servidores da área tecnológica do governo do estado estão em greve há três meses por falta de acordo com o governador José de Anchieta (PSDB). Os engenheiros e servidores de nível médio aguardavam o envio de um Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração para a Assembleia Legislativa, mas até agora o pleito não foi atendido pelo governador.


Hoje, os grevistas foram para a Assembleia, munidos de faixas e cartazes, para repudiar o que consideram descaso por parte do governo. Francisco Volnei Costa da Silva, representante da comissão da área de tecnologia do governo, disse que o chefe do Executivo Estadual se comprometeu em enviar o plano de cargos e salários à Assembleia, mas ontem foi informado de que o projeto ainda não saiu da Casa Civil do Palácio Senador Hélio Campos.

“Nós estamos em negociação com o governo há oito anos. Nos últimos dias, o governador [José de Anchieta] acenou com uma proposta de enviar um projeto concedendo uma gratificação para os servidores de nível médio, mas até agora não cumpriu com sua palavra. Não era o ideal, mas já seria um começo”, ponderou Volnei Costa.

O deputado oposicionista Brito Bezerra (PP) também afirma que o governo está tratando com descaso servidores de áreas importantes, como os das secretarias de Agricultura e Infraestrutura. As duas pastas estão paradas há três meses em decorrência da greve dos servidores.

“A área tecnológica é muito importante para o estado, pois trabalha no campo, dando assistência aos produtores rurais, e fiscalizando obras. Por isso, esses profissionais merecem ser tratados com respeito pelo governo”, disse Brito.

Por sua vez, o deputado Joaquim Ruiz (PTN), que integra o grupo de sustentação do governo na Assembleia Legislativa, defende que haja diálogo entre o Poder Executivo e os servidores para que se chegue a um acordo viável.

“Durante todo o ano passado, nós buscamos soluções e aprovados planos de carreira para os delegados de polícia, para a Defensoria Pública e para os profissionais de Saúde. Por isso, eu acho que tem como nós atendermos também às reivindicações dos servidores da área tecnológica do governo. A Assembleia Legislativa deve puxar essa responsabilidade para si”, defende o deputado Joaquim Ruiz.

Os servidores da área tecnológica do governo continuam em greve por tempo indeterminado.

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.

Tecnologia do Blogger.