A sorte está lançada!

Até o final do mês sai o resultado da pesquisa que o governador Camilo Santana mandou fazer para saber como está a preferência do eleitorado cratense. O nome mais pontuado tem a missão de enfrentar nas urnas o ex-prefeito Samuel Araripe (PSDB). Digo o tucano porque, pelo andar da carruagem, não surgirão mais candidaturas, ficando o embate entre o ex-gestor e o ungido do Palácio da Abolição. Algo inusitado após a ditadura militar. De 1988 para cá, as disputas no Crato contaram com mais de duas candidaturas. Perde a democracia.
O martelo sobre a pesquisa quantitativa e qualitativa foi batido na noite da última quinta (09), no Palácio da Abolição, durante reunião que contou com as presenças de Camilo Santana, Cid Gomes, Arnon Bezerra, José Guimarães, José Ailton, André Barreto, Marcus Cunha, Otonite Cortez, Pedro Lobo, Rafael Branco e Sineval Roque. A ausência sentida foi a do pré-candidato do PC do B, Cacá Araújo.
Neste final de semana, para dirimir as dúvidas sobre o convite feito ou não ao comunista, o governador Camilo Santana ligou para o professor Cacá e afirmou que o nome deste estará na pesquisa que o grupo fará. A assessoria do governador informou que não conseguiu localizar o professor Cacá em tempo hábil para a reunião desfazendo o mal estar gerado no PC do B.
Na conversa com o governador, Cacá Araújo fez questão de ressaltar o compromisso da Frente Crato Popular de não fazer aliança com o ex-prefeito Samuel Araripe nem com o prefeito Ronaldo Gomes de Matos. Disse que ouviu de Camilo Santana que os dois não fazem parte desta aliança, sendo, portanto, oposição.
A declaração do governador faz cair por terra o sonho do prefeito Ronaldo de ter o apoio da Frente Crato Popular para a reeleição ou apontar pelo menos o vice. Recentemente ao ser indagado se iria disputar um segundo mandato, Ronaldo Matos afirmou que o seu destino político estava nas mãos do governador. Com a resposta do governador ao professor Cacá, cabe agora ao atual gestor trabalhar com afinco para que o fim de seu governo não seja mais melancólico do que está e sua saída da vida pública seja menos traumática.

Aos pré-candidatos da Frente Crato Popular não resta alternativa senão intensificar visitas aos meios de comunicação para, em tempo recorde, dizer ao eleitorado cratense quais as suas intenções e projetos para administrar o Crato. Quanto ao ex-prefeito Samuel Araripe, é aguardar o escolhido e propor um debate salutar para o povo do Crato. Alea jacta est!

Nenhum comentário

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.

Tecnologia do Blogger.